4 Dicas Para Você Escolher o Vasinho Certo

Tempo de leitura: 6 minutos

Como sempre digo aqui no Horta em Casa, eu não tenho muito espaço no quintal para plantar, o terreno é todo cimentado e não há como colocar uma plantinha direto no chão.

Como eu queria muito ter a minha própria hortinha em casa cometi vários no começo e fiz após muita pesquisa aprendi a cultivar em vasos, caixotes e garrafas pets, resolvendo assim o problema do meu espaço em casa.

Uma grande questão a ser levada para ter sucesso plantando em vasinhos é a escolha do vaso correto, e para isso devemos levar em conta alguns fatores.

Para você que está começando a sua horta não precisar cometer os mesmo erros que eu cometi quando comecei a minha vou listar alguns dos fatores que vão influenciar no sucesso ou no fracasso da sua horta em vasinhos.

Preparada (o)?

Então vamos começar.

 

1 – Conheça o que você quer plantar no vaso

 

Estudo o que vai plantar primeiro, pois se crescer muito vai precisar de um vasinho maior.
Estude o que vai plantar primeiro, pois se crescer muito vai precisar de um vasinho maior.

O primeiro fator e talvez um dos mais decisivos para o sucesso ou fracasso da sua horta é conhecer a planta que você quer plantar.

Assim como cada pessoa é diferente as plantas também são diferentes quando falamos de tamanho, fundura das raízes, irrigação e espaço.

Para quem quer plantar um tomate o ideal é procurar um vasinho que pode acomodá-lo corretamente.

O tomate é uma planta de raízes profundas, por isso precisa de mais espaço para se desenvolver, então um vaso ideal para recebê-lo deve ter de 30 a 50 cm de altura por 20 a 30 cm de diâmetro.

Para plantas de raízes mais rasas como alface, cebolinha, morango e salsa vasinhos de 20 a 25 cm de altura podem ser utilizados, pois vão conseguir acomodar bem essas plantas.

Assim como o tomate que precisa de mais espaço e a alface que não precisa de tanto assim existem outras plantas que precisarão de mais e outras que precisaram de menos espaço, tenha isso em mente e procure conhecer a sua planta antes de escolher o vasinho.

 

2 – Escolha vasos com furos

 

Furando o vasinho para plantar.
Um vasinho deve possuir furos para escoar a água. Se o seu não veio faça vocês mesma.

Já observei muitas pessoas que plantam um tempero em um vasinho que não tem furo.

Pelo fato dos temperos normalmente não precisarem de muito espaço as pessoas acham que não precisam de um vaso furado para plantá-los.

Vasos sem furos retém a água por mais tempo do que o necessário para deixar a terra úmida o que faz com que a terra fique encharcada e isso pode acarretar doenças e prejudicar o desenvolvimento das plantas, ainda mais quando falamos de temperos.

Os furos no fundo dos vasos de plantio não  são apenas um enfeite ou mera casualidade. Os furos são para que a água da irrigação possa ter o excesso escoado de forma correta.

Na duvida sobre qual vaso escolher, escolha sempre o que possui furo no fundo ou aquele que já tem a marcação para você mesma (o) possa fazer os furos.




 

3 – Escolha o vaso correto para o local correto

 

Vasinho de barro para plantar.
Para locais onde as condições climáticas são mais intensas um vasinho de barro é melhor que um de plástico.

Para quem vai começar a plantar em vaso, mas não sabe ainda o local onde vai deixar o seu vasinho em casa saiba que o local também pode ser determinante para a escolha do tipo do vaso.

Os vasos mais utilizados para o plantio de temperos e hortaliças em casa são de plástico, de barro ou cimento, cerâmica, fibra de vidro ou mesmo de madeira, o local é o que vai determinar qual o melhor para você.

Os vasos de plástico são mais usados por serem mais leves, fáceis de carregar e por serem mais baratos, porém são menos resistentes e aquecem mais, isso faz com que eles devam ser colocados em local onde não bata sol o dia todo. O ideal e coloca-los a meia sombra.

Para locais onde o sol pega direto o dia todo, venta muito e o vaso vai pegar muita chuva vasos de cerâmica, fibra de vidro ou de barro são mais indicados, pois vão reter a umidade correta para a sua planta além de ter maior durabilidade em condições mais rústicas.

Para evitar perder os seus temperos ou as suas hortaliças sempre tenha em mente o local onde vai colocar o vaso, para depois comprar o vasinho ideal para o local.

 

4 – A cor do vaso também é importante

 

Vasinho de plastico preto.
A cor do vaso vai influenciar no aquecimento da terra.

Uma característica também importante e que muita gente não leva em consideração é a cor do vasinho.

Pode não parecer que seja importante, mas assim como o local determina o tipo de vaso ele pode também determinar qual cor de vaso você pode usar.

A cor do vaso além de deixar o local mais esteticamente bonito influencia direto no aquecimento e retenção de calor na terra.

Vou citar um exemplo.

Um vaso de plástico já retém muito calor, agora imagine um vaso de plástico na cor preta.

Imaginou?

É sabido que a cor preta retém mais luz do sol que as demais cores, então um vasinho de plástico de cor preta vai reter muito mais calor do que os vasinho de outra cor.

Se você não tem um local a meia sombra para colocar o seu vasinho e ainda sim após essas dicas optar por escolher um vaso de plástico opte por um vasinho de uma cor mais clara.

Bem é isso ai, algumas dessas dicas eu aprendi a duras penas na minha horta caseira e agora eu as compartilho com você para que você não precise ter os mesmos problemas que eu quando comecei o meu cultivo doméstico.

Enfim para você que gostaria de montar uma horta em casa e ainda tem dúvidas por onde começar gostaria de indicar para você o Livro Digital “Os melhores temperos para plantar em casa”, ebook oficial do Horta em Casa com dicas dos melhores temperinhos do dia a dia para você plantar em casa.

Agora deixe o seu comentário abaixo e me responda “O que você espera para começar a sua Horta em Casa”?

Compartilhe também esse artigo com os seus amigos pelos botões de compartilhamento disponível aqui em cima do artigo e me ajuda a levar o verde para o maior número de pessoas possíveis.

Eu conto com você,

Até a próxima e “Mãos A Horta – Monte o Seu Próprio Jardim de Comer!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*